Destaques

A presidenta do IBGE, Wasmália Bivar, disse que os indicadores são a dimensão técnica das políticas públicas para alcançar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.  Elza Fiúza/Agência Brasil

Desenvolvimento sustentável: 231 indicadores vão medir progresso dos ODS

Por Andreia Verdélio – Agência Brasil

02/05/16 | 18:05

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apresentou a instituições formadoras e usuárias de informação no Brasil os Indicadores Globais de Desenvolvimento Sustentável para Monitoramento da Agenda 2030. São 231 indicadores construídos para fazer o acompanhamento e medir o progresso na implementação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).
Os 17 ODS, expressos em 169 metas, representam o eixo central da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável, que entrou em vigor no dia 1º de janeiro último. Eles vão orientar as ações nas três dimensões do desenvolvimento sustentável – econômica, social e ambiental – em todos estados-membros das Nações Unidas até 2030.

[Leia Mais] |

USP

Em palestra no ILMD/Fiocruz Amazônia, pesquisador da USP debate sobre ‘sustentabilidade’

Por ILMD/Fiocruz Amazônia

28/04/16 | 11:04

Sustentabilidade, a palavra do momento em diversos setores da sociedade e do conhecimento, foi a tônica da palestra do pesquisador da Universidade de São Paulo (USP), Leandro Giatti, realizada na manhã desta quarta-feira (27), no último dia do Seminário Determinantes Sociais do Processo Saúde-Doença: condições desiguais de vida em espaços amazônicos, promovido pelo Programa de Pós-Graduação em Condições de Vida e Situações de Saúde na Amazônia (PPGVIDA) do ILMD/Fiocruz Amazônia. Com a palestra “Nexos Urbanos de Sustentabilidade e Saúde”, Giatti levantou a polêmica entre os participantes a respeito da exportação e importação de recursos naturais, , como a água por exemplo, por meio dos alimentos produzidos no Brasil e vendidos no exterior.

[Leia Mais] |

Cecilia

Cecília Minayo fala sobre desigualdades sociais, questões de gênero e saúde-ambiente em palestra na Fiocruz Amazônia

Por ILMD/Fiocruz Amazônia

28/04/16 | 11:04

Com uma linguagem simples, do cotidiano e abordando temáticas que permeiam a pesquisa social há muitas décadas, a pesquisadora da Escola Nacional de Saúde Pública da Fundação Oswaldo Cruz (Ensp/Fiocruz), doutora Cecília Minayo, abriu o Seminário “Determinantes Sociais do Processo Saúde-Doença: condições desiguais de vida em espaços amazônicos”, nesta terça-feira (26), realizado pelo ILMD/Fiocruz Amazônia com a palestra “Marcos Teóricos dos Estudos de Determinação do Processo Saúde Doença”. Evento transmitido ao vivo pelo Canal Telessaúde da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), com alcance em mais de 40 municípios e para todo o país por meio de link próprio na internet, Cecília Minayo abordou sobre desigualdades sociais, em todos os seus aspectos.

[Leia Mais] |

Comentários Recentes